quarta-feira, novembro 03, 2004

Ofício no mundo Protestante - O início

Dia 31 de outubro, além de, para alguns, dia das bruxas (argh!...), para muitos e muitos foi dia de lembrar a -Reforma Protestante-, que tem como seu marco clássico -as 95 teses- afixadas pelo monge alemão Martinho Lutero na porta da Catedral de Wittenberg, Alemanha, em 1517.
Para compensar a falha do Ofício em homenagear aquele que deu início a um de nossos maiores filóes de posts - clássicos e chavões do mundo evangélico-protestante - , vamos compensar com uma indicação do visitante-chavão Lucas, fazendo propaganda do filme "Lutero" - e sem custos. Ele está em cartaz no Brasil e, é claro, sem deixar de continuar contribuindo conosco, já na chamada:
1.Rebelde
2.Gênio
3.Libertador.

Também na promoção do filme o ofício é exercido, pra dar mais impacto.

"A motivação maior desse -pool de patrocinadores- -não é comercial-, mas sobretudo -propagar a teologia e a pedagogia luterana- em âmbito nacional, afirmando assim -os valores que praticamos- dentro das nossas organizações", disse o diretor da Luterprev, Everson Oppermann, em entrevista à ALC. A própria IECLB, a Rede Sinodal de Educação, a Editora Sinodal e a Fundação Luterana de Diaconia integram o grupo de patrocinadores."

A assistente de marketing da Casablanca Filmes, Camila Senerchia, acredita que o filme ficará de quatro a cinco semanas em cartaz. Ressalta que essa é primeira ocasião em que a Casablanca une-se a uma igreja para trazer um filme para o Brasil. "Nossa parceria com a igreja luterana -está sendo extremamente positiva-. Graças a esse apoio -estamos conseguindo fazer com que a mensagem do filme se espalhe de maneira mais eficiente-", arrolou.

Mais, aqui.

O site oficial do filme.

Quem puder, então, confira "Lutero"! Um dos longa-metragens que deram origem ao Ofício.
Postar um comentário