quarta-feira, junho 22, 2005

'Eparrei, Jeová!"

saúde!

José Barbosa Jùnior está preocupado com os chavões da Igreja-Terreiro.

"Nesses muitos caminhos e rumos que a igreja dita “evangélica” no Brasil tem tomado.... Aquilo que era um de nossos maiores “inimigos” parece que se transformou em modelo. Em muitos de nossos encontros percebemos claramente a tendência espírita-pentecostal.
(...)
essa prática espírita já tomou sua roupagem evangélica através das “tias”, dos “profetas” e tantos outros “irmãos abençoados” que fazem da sua principal missão perseguir o diabo e seus demônios e encontrá-los camuflados e escondidos nos cômodos de nossas casas. Quase sempre eles gostam de se esconder em objetos “sacrificados” aos ídolos, filmes da Disney (herança das pregações assustadoras do Josué Yrion), discos “mundanos” (eu ainda espero completar minha coleção de música “jupiteriana”), e qualquer outra coisa que ofenda o gueto evangélico.


Fico pensando quando é que vão perceber que há muito mais maldição em nosso meio, através de falsos líderes, movimentos que anulam a graça, como o movimento re-judaizante, encontros místicos com regressões e mantras evangélicos, pastores-bispos-apótolos mentirosos que têm levado suas igrejas a perderem o rumo para perpetuarem seu nome (o nome do líder). Isso sim traz maldição, pois enganam o povo em nome do Deus altíssimo."

Os outros chavões, aqui.
Postar um comentário